Minha tatuagem

Sempre tive vontade de fazer uma tatuagem, e com uns 16 anos coloquei na cabeça que iria fazer um cavalo alado (incentivada pela moda da Feiticeira, quem lembra?), com a decisão tomada só faltava convencer minha mãe a dar a autorização, com muito custo consegui e lá fui eu, chegando no estúdio o tatuador não quis fazer pela minha idade, mesmo com a autorização da minha mãe (hoje agradeço).

Depois deste episódio dei uma sossegada, sempre via uns desenhos bonitos mas ficava com receio, meu medo sempre foi enjoar do desenho e não pela dor. Até que, com 23 anos, envenenaram minha cadela da raça dogue alemão (desconfio de uma pessoa, mas até hoje não descobri quem foi, mas acredito que ‘aqui se faz, aqui se paga’, principalmente para pessoas que maltratam seres indefesos, se foi essa pessoa realmente está pagando e acho muito bem feito), que para mim era mais que um animal, era minha filha! Depois disso prometi que um dia faria uma homenagem para essa pessoinha (sim, pessoinha, ser vivo, meu amor…) que passou em minha vida e deixou muitas saudades.

Anos mais tarde, saindo da faculdade de moda em um belo fim de tarde de verão, decidi que era hora, estava passando por uma fase conturbada e acho que isso me deu uma certa coragem de fazer sem pensar, e lá fui eu, com uma ideia na cabeça e sem nenhuma fonte para mostrar ao tatuador. Chegando no estúdio apenas perguntei o preço, acertamos e lá fui eu. Esse episódio já tem 4 anos, mas para mim será importante para sempre.

Algumas pessoas acham que minha tatuagem “Aloha” se deve pelo fato de eu gostar de praia, surf, pelo meu sonho de viajar para o Havaí… mas não, Aloha era o nome da minha cadela, coloquei nela esse nome por causa do significado da palavra, e que agora significa muito mais para mim. Também tenho certeza de que foi o nome perfeito para ela, uma palavra com tantos significados bons para uma alma maravilhosa. Irei compartilhar com vocês:

Minha tatuagem

Aloha, é a junção de 2 palavras ‘Alo’ e ‘Ha’.

Alo = presença – Ha = respiração, espírito.

Palavra na língua havaiana que significa afeição, carinho, amor, paz, compaixão e misericórdia. Também passou a ser usada como uma saudação para dizer adeus e olá, ou bem-vindo.

A palavra “aloha” também é utilizada em combinação com outros termos, tais como Kakahiaka Aloha que significa bom dia, Aloha Auinala usado como uma saudação e que significa boa tarde, e Aloha Ahiahi que é como você pode desejar boa noite em havaiano. Por causa do significado e da popularidade única de “aloha” o Hawaii é chamado o Estado Aloha.

“Aloha” é um símbolo havaiano. Seu significado vai além de qualquer definição que você possa encontrar nos dicionários. No Hawaii você escuta “aloha” o tempo todo e também é tratado com “aloha” em todos os lugares.

O Espírito Aloha.

O significado literal de “aloha” é “presença da respiração” ou “sopro da vida”. Ela vem de “Alo” que significa presença, frente e rosto, e “Ha” que significa respiração. “Aloha” é uma maneira de viver e de tratar uns aos outros com amor e respeito. Seu significado profundo começa por ensinar-nos a amar nossos próprios seres em primeiro lugar para depois espalhar amor aos outros.
De acordo com os antigos Kahunas (sacerdotes), ser capaz de viver o espírito “aloha” foi uma maneira de alcançar a autoperfeição e a realização para o nosso próprio corpo e alma. “Aloha” é enviar e receber uma energia positiva. “Aloha” é viver em harmonia. Quando você vive o “Espírito de Aloha”, você cria sentimentos e pensamentos positivos que nunca se acabam. Eles existem no espaço, multiplicam-se e espalham-se aos outros.
Aloha Spirit é considerado como lei. Embora a palavra “lei” pareça como algo rigoroso, o Aloha Spirit não é o tipo de lei que vai colocá-lo em problemas. Seu principal objetivo é servir como um lembrete para os funcionários do governo de como tratar as pessoas com profundo cuidado e respeito enquanto exercem suas funções, tal como os seus antepassados fizeram. O Aloha Spirit é mais uma lição do que uma lei. Ao aprender e aplicar essa lição para a vida real os funcionários públicos podem contribuir para um mundo melhor, um mundo cheio de “aloha”.

Definição da Lei Aloha Spirit.

“Aloha Spirit” é a coordenação da mente e do coração dentro de cada pessoa. Cada um deve pensar e proporcionar bons sentimentos para com os outros. Na contemplação e presença da força da vida “aloha”, o seguinte unuhi laula loa pode ser usado:

Akahai: bondade, para ser expressado com ternura.
Lokahi: unidade, para ser expressado com harmonia.
Olu’olu: agradável, para ser expressado com bondade.
Ha’aha’a: humildade, para ser expressado com modéstia.
Ahonui: paciência, para ser expressado com perseverança.

Estes são os traços de caráter que expressam o encanto, carinho e sinceridade das pessoas do Hawaii. Foi a filosofia dos antigos havaianos e foi dado como um presente ao povo.

“Aloha” é mais do que uma palavra ou saudação de encontro ou despedida, significa respeito mútuo e afeição, e estende esse cuidado sem qualquer obrigação em troca. É a essência dos relacionamentos em que cada pessoa é importante para qualquer outra pessoa e para a existência coletiva. Significa ouvir o que não é dito, para ver o que não pode ser visto e conhecer o desconhecido.

Originalmente a palavra era usada exclusivamente como uma demonstração de afeto, paz, misericórdia, e compaixão. Posteriormente, perto do século XIX, começou a ser usada para cumprimentar ou se despedir de alguém. A palavra Aloha está imbuída com algumas características do povo havaiano, como a amizade, hospitalidade e cordialidade.

Aloha spirit, ou em português, Espírito Aloha, é muito mais do que uma palavra, é um estilo de vida e uma técnica que pode ser aplicada em qualquer vida. Esta técnica é caracterizada por uma regra: abençoar tudo e todos que representam aquilo que um indivíduo quer.

O Aloha spirit indica que a palavra Aloha tem um significado bem mais profundo do que simplesmente “amor”, “olá” ou “tchau”. É uma mentalidade constante de aceitação, um caminho que possibilita solucionar qualquer problema e alcançar qualquer objetivo.

O espírito Aloha está cheio de uma energia positiva que está relacionada com um Poder Universal conhecido como Mana. A utilização desse recurso permite alcançar verdadeira felicidade, saúde e prosperidade.

 

Continue Reading

Minha playlist

Sempre tive um gosto bem exótico para música, até um pouco alternativa diga-se de passagem, enquanto todos escutam as músicas da moda eu sempre estou ouvindo o tipo de música que “ninguém conhece”, acho que até por conviver e ter vários artistas na família, minha melhor amiga é cantora por exemplo, meu avô, espanhol e filho do fundador da escola de Belas Artes de La Paz na Bolívia, era um entusiasta em música clássica (cresci ouvindo ópera, que amo), meu pai é artista plástico e fã de músicas antigas (obrigada pai por me apresentar Carlos Gardel), minha avó vivia cantando pela casa e eu a acompanhava, e por aí vai…

O engraçado é que sempre perguntam sobre minhas playlists, já perdi a conta de quantas vezes pediram o pen drive do meu carro emprestado. Tanto que meu canal pessoal no Youtube tem milhares de seguidores, em momentos de ócio criativo tinha mania de editar vídeos e fazer clipes com as músicas que gostava e, mesmo depois de tanto tempo, ainda recebo uma enxurrada de comentários, sempre com a mesma pergunta “qual é a música?”.

Foi aí que, sem nenhuma ideia de post e depois de tanto tempo sem escrever, pensei que seria uma boa ideia fazer uma tag com as playlists.

Bom, irei colocando aos poucos, irei dividir esse post em dois para não ficar enorme com as músicas que estão no meu pen drive atualmente. Depois farei outros pois meu gosto musical muda constantemente, mas sempre com a mesma vibe. Já aviso que músicas “da moda” (vide sertanejo, axé, funk e outras coisas do gênero) nunca entrarão aqui.
















Continue Reading

Onde encontrar os bodies da moda.

A tendência mais forte do verão são os bodies, collants e maiôs. A moda que veio para ficar é, além de democrática, bem fácil de combinar, basta uma calça pantalona ou uma saia longa para um look fashion.

Entenda a diferença:

Body
Ele está em alta e combina com a maioria das peças – principalmente as de cintura alta. O body, normalmente, não possui forro na parte inferior e pode possuir algum tipo de fecho, como botões. Além disso, o tipo de roupa também pode ser feito de diferentes tecidos: malha, veludo e transparência, entre outros. O body é indicado para sair no dia a dia ou arrasar na balada, dependendo da ousadia do tecido e decote.

Collant
O collant é conhecido como uma peça feita para bailarinas, normalmente feito de malha não tem fecho de botões. Você o coloca pelas pernas (tipo saia). Normalmente tem mais resistência que o body ou maiô. O tipo de roupa é indicado para academias ou atividades físicas.

Maiô
Já o maiô é feito de lycra tem mais detalhes que o collant (como meia-taça, bojo, fivelas, etc). A roupa é indicada para ser usada em praias e piscinas, possui forro para evitar a transparência em contato com a água.

Onde encontrar:

Charlotte

Possui as peças da moda, com preço atraente e grande variedade. A marca carioca começou investindo em uma moda gypsy mermaid, estilo a marca australiana Spell (veja aqui: link 1, link 2) e, depois de um tempo em off, volta com força total investindo em beachwear na sua reestreia para depois voltar com a pegada de antes. A produção de peças é feita em baixa escala, o que proporciona, maior exclusividade das peças.

Hype

No mercado desde 2013, a marca de beachwear HYPE, das sócias proprietárias e irmãs Marion e Heloisy Oliveira, tem como principal foco, peças desenvolvidas com matéria prima de altíssima qualidade, com recortes e shapes inovadores e exclusivíssimos.

Cia. Marítima

A Cia. Marítima é a marca de moda praia mais conhecida do Brasil. Todos os biquínis, maiôs, saídas de praia, shorts, cangas e bodies são produzidos com os tecidos da mais alta tecnologia para que a mulher se sinta confortável tanto na praia quanto no dia a dia. Possui um preço um pouco elevado. Recentemente a marca fez parceria com a gigante fast fashion C&A em uma coleção com um preço mais democrático. A marca aposta em parcerias com blogueiras em ações de marketing.

Cla de Luca

O Ateliê Cla de Luca é a paixão da vida da Clariça de Luca, dona da marca, que começou vendendo moda praia para as amigas. O ateliê que começou no Facebook, e migrou para um site, hoje possui um espaço físico que foi criado para proporcionar mais conforto e contato direto com suas clientes.

Continue Reading

Voltando…

Olá,

Recebi muitas mensagens desde que o Modismo parou de postar (último post foi em 2014). Bom, vamos lá!
Como muitos sabem a história do blog começa como um site sobre moda, até que convido algumas amigas jornalistas para escreverem comigo, época em que o Modismo ganhou destaque. Com o tempo cada uma tomou um caminho diferente e eu voltei a escrever sozinha, foi aí que resolvi mudar para um blog pessoal, com uma linguagem mais informal e um layout diferenciado do blog feito por uma agência. Acontece que o Modismo estava hospedado com essa agência e quando pedi para eles passarem para uma hospedagem independente que contratei, o que não aconteceu, eles deletaram todo o layout e vários posts (essa é a agência). Tentando resolver, em vão, acabei me desmotivando com o blog, que durante todo esse tempo ficou parado. De uns meses para cá recebendo ainda algumas mensagens de leitores, e com o incentivo dos Nômades Digitais para começar (ou recomeçar) do zero o blog, acabei colocando a mão na massa, fiz todo o layout e resolvi eu mesma. Assim renasce o Modismo!

Bom, esse é um cantinho onde gosto de compartilhar coisas que gosto, achados, dicas, estilo de vida e relaxar escrevendo.  Sejam bem-vindos!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Continue Reading